Página Inicial arrow Viajantes e Turistas arrow Dicas para quem viaja de avião
Domingo - 22 de Setembro de 2019

Segurança da Mulher

Assédio Sexual
Dicas Especiais

Segurança no Trabalho

Incêndio

Segurança da Informação

Espionagem Industrial

Frases do Dr. Lordello

frase2.png

Enquete

Quais as razões para o aumento da criminalidade?
 

Cadastre-se no Portal

Cadastre-se no Portal e receba nossos informativos periodicamente, além de concorrer a livros e convites para palestras.

:




Redes Sociais

Conecte-se ao Facebook!
Visite nosso canal no Youtube!

Nossos Parceiros

Wall Service
Condomínio em Foco
Life Condomínios
Leão Serviços
Protecães
Crimes & Acidentes
Avitran
ATS Terceirização
Porto Service
ASC Service
QAP Segurança
Full
Top Clean
Grupo GP
Pro Security
Associação Nacional de Agentes de Segurança
NR Service
Lordello Consultoria
Comunicação Juridica
Grupo Vip
Grupo Padrão
JSEG Vigilância
Seguridade
Good Clean
Méthodo Gestão Educacional
Grupo Titanium
FL Terceirização
Ganhe mais visibilidade. Anuncie aqui!
Terras de Gênova
Método Lordello de Treinamento em Segurança

Quem está On-line

Nós temos 1 visitante online
Dicas para quem viaja de avião Email
Um casal paulista, foi curtir a lua de mel na Tailândia. Os "pombinhos" passeavam a pé quando foram abordados por um ladrão que roubou cartões de credito, dinheiro e passaportes das vitimas. Indignados com o ocorrido eles registraram a ocorrência na Delegacia local. No dia seguinte, receberam telefonema do chefe de policia comunicando que o marginal havia sido preso e todos os pertences recuperados.

No Distrito Policial o ladrão pediu perdão de joelhos aos brasileiros, mas de nada adiantou. Ele foi preso e após uma semana, condenado a 10 anos de cadeia. Ficou claro que na Tailândia a legislação protege a vítima, dando ao criminoso o "direito" de ficar preso, enquanto no Brasil ...

Já que estamos falando de viagens, vou passar algumas dicas de segurança para pessoas que se utilizam de aviões com freqüência.

Viagem de aviãoA história da aviação mundial já registrou milhares de crimes praticados no interior de aeronaves. No Brasil, o primeiro seqüestro aéreo se deu em 1956 quando grupos militares procuravam desestabilizar o governo de Juscelino Kubitschek e desviaram a rota de um avião para o Pará.
A segurança pessoal em viagens deve ser focada com algumas orientações:

1) Jamais coloque seu endereço e telefone residencial nas etiquetas de bagagens. Utilize o telefone e endereço comercial, contudo não mencione o nome da empresa.

2) Não despache malas acompanhadas de documentos pessoais, dinheiro, papéis importantes ou remédios específicos. Carregue tudo isso em sua bagagem de mão.

3) Muito cuidado com sua bagagem no interior do aeroporto, saguão de hotéis, salas de espera etc.

4) Cautela também com a bagagem de mão, que não deve conter adesivos de várias partes do mundo para evitar assalto nos aeroportos.

5) Evite vôos com muitas escalas, não só pelo desconforto, mas também pelo risco.

6) Outro ponto importante é a escolha do assento no avião. Lembre-se que os assentos nos corredores deixam o passageiro ao alcance de terroristas. Procure escolher assento junto às janelas e próximos das saídas de emergências.

7) Voar de primeira classe é mais confortável. Infelizmente não apresenta tanta segurança, pois é o alvo preferido dos terroristas. Procure ficar na classe econômica ou executiva.

8) Cuidado também com sua vestimenta. Não coloque a "fantasia de turista", usando chapéu e máquina fotográfica no pescoço. Os marginais adoram rondar os aeroportos a procura de turistas, que normalmente não estão preocupados com a segurança pessoal e sim com espírito de diversão.

9) Não carregue dinheiro, em hipótese alguma, somente o necessário para o pagamento de pequenas despesas. O velho truque, de esconder o dinheiro amarrado junto ao corpo não é mais novidade para a marginalidade.

10) Consulte o gerente do banco, para se informar sobre meios seguros para saque de dinheiro no exterior.

11) Em aeroportos, somente use os táxis fixos ou serviço de rádio-táxi como medida de segurança.

No ano passado, durante um vôo, percebi quando um passageiro que aparentava enjôo caminhava em direção ao toalete, momento em que passou mal e vomitou encima de um homem que estava em um assento do corredor. Naquele momento pensei: "Puxa, ainda bem que eu sempre viajo próximo da janela".

Dr. Jorge Lordello 

 

< Anterior   Próximo >
 AdvertisementAdvertisement