Página Inicial arrow Proteção e Segurança arrow Crimes de oportunidade
Terça-feira - 23 de Julho de 2019

Segurança da Mulher

Assédio Sexual
Dicas Especiais

Segurança no Trabalho

Incêndio

Segurança da Informação

Espionagem Industrial

Frases do Dr. Lordello

frase2.png

Enquete

Quais as razões para o aumento da criminalidade?
 

Cadastre-se no Portal

Cadastre-se no Portal e receba nossos informativos periodicamente, além de concorrer a livros e convites para palestras.

:




Redes Sociais

Visite nosso canal no Youtube!
Conecte-se ao Facebook!

Nossos Parceiros

Porto Service
JSEG Vigilância
Lordello Consultoria
ASC Service
Ganhe mais visibilidade. Anuncie aqui!
Top Clean
Grupo Padrão
Leão Serviços
Life Condomínios
Méthodo Gestão Educacional
Seguridade
Full
QAP Segurança
Protecães
Comunicação Juridica
Método Lordello de Treinamento em Segurança
Good Clean
Pro Security
Condomínio em Foco
Grupo Titanium
Avitran
Grupo GP
FL Terceirização
Wall Service
Grupo Vip
ATS Terceirização
Associação Nacional de Agentes de Segurança
NR Service
Crimes & Acidentes
Terras de Gênova

Quem está On-line

Nós temos 6 visitantes online
Crimes de oportunidade Email

Duas ocorrências policiais recentes chamaram atenção da mídia em geral e servem de alerta para motoristas. Uma menina de 1 ano estava na cadeirinha no banco traseiro de veículo estacionado em uma rua do bairro da Vila Mariana/SP. Seus pais, próximos do automóvel, conversavam calmamente. Por volta das 20h30, um assaltante que passava pelo local avistou o carro, que estava com os vidros abertos. Deve ter ficado surpreso quando percebeu que a chave estava na ignição. Nesse momento juntou "a fome com a vontade de comer". O criminoso, rapidamente, entrou no auto e deu partida. O genitor da criança, desesperadamente, lançou-se sobre o capô, na tentativa de impedir que sua filha fosse subtraída. O condutor não teve dó nem piedade, acelerou violentamente e por muito pouco não atropelou o desesperado pai. Além da bebê, a genitora também havia deixado dentro do carro sua bolsa contendo diversos pertences, inclusive celular. O ex-marido resolveu, então, ligar, insistentemente, para o número do aparelho. Após muita insistência, o bandido atendeu e comprometeu-se a abandonar o veículo com a criança. Outro fato dramático foi vivenciado pela noiva Mariele de Lima. Minutos antes de entrar na igreja ela estava no interior de bonito carro, estacionado em rua ao lado da igreja Sagrada Família. De repente, surgem dois bandidos armados, que resolvem praticar o famigerado sequestro relâmpago. No trajeto, um dos marginais dizia à noiva: "Seu noivo já está viúvo". Após ter subtraídos seus pertences, a vítima foi libertadada. Imediatamente, pegou um taxi e se dirigiu à igreja, onde o casamento foi realizado com duas horas de atraso. Gostaria de fazer uma pergunta ao amigo leitor: os crimes narrados acima poderiam ter sido evitados? É claro que sim. Motoristas não podem "dar sorte ao azar"; portanto, recomendo algumas cautelas: 1) Jamais permaneça no interior de veículo estacionado em via pública. 2) Não tendo opção de estacionamento privado, pare o carro na rua e afaste-se dele imediatamente. 3) Não permaneça no automóvel esperando alguém chegar, principalmlente fazendo maquiagem, falando ao celular, conferindo agenda, lendo jornal ou revista, pois assim o motorista, distraído, estará se colocando na posição de vítima para os chamados "crimes de oportunidade".

 

Dr. Jorge Lordello

 

< Anterior   Próximo >
 AdvertisementAdvertisement