Página Inicial arrow Prédios e Condomínios arrow Porteiro e as qualidades que deve ter
Quinta-feira - 02 de Outubro de 2014

Segurança da Mulher

Assédio Sexual
Dicas Especiais

Segurança no Trabalho

Incêndio

Segurança da Informação

Espionagem Industrial

Frases do Dr. Lordello

frase7.png

Enquete

Quais as razões para o aumento da criminalidade?
 

Cadastre-se no Portal

Cadastre-se no Portal e receba nossos informativos periodicamente, além de concorrer a livros e convites para palestras.

:




Redes Sociais

Conecte-se ao Facebook!
Visite nosso canal no Youtube!

Nossos Parceiros

Good Clean
Méthodo Gestão Educacional
Comunicação Juridica
Grupo Padrão
Seguridade
Método Lordello de Treinamento em Segurança
Avitran
ASC Service
Ganhe mais visibilidade. Anuncie aqui!
Grupo Titanium
Associação Nacional de Agentes de Segurança
Top Clean
Life Condomínios
NR Service
Grupo GP
Crimes & Acidentes
Lordello Consultoria
Protecães
Grupo Vip
Pro Security
Wall Service
JSEG Vigilância
FL Terceirização
Full
Condomínio em Foco
Porto Service
Terras de Gênova
Leão Serviços
QAP Segurança
ATS Terceirização

Quem está On-line

Porteiro e as qualidades que deve ter Email
Função de suma importância para a segurança do edifício. É o responsável pelo monitoramento do controle de acesso de pessoas, mercadorias e veículos. Funcionário uniformizado, treinado e habilitado para exercer as funções de recepção com foco em segurança. QUALIDADES DO BOM PORTEIRO:
- ATENÇÃO: qualquer descuido pode facilitar a invasão do condomínio
- RESPONSABILIDADE: a segurança dos moradores e demais funcionários dependem diretamente de sua atuação.
- PONTUALIDADE: o respeito ao colega de trabalho começa com o respeito aos horários
- ASSIDUIDADE
- AUTO CONTROLE: atuar com profissionalismo é não perder a calma e a razão
- AUTO CONFIANÇA: geralmente o trabalho do porteiro é solitário. Na maioria das vezes terá que tomar decisões sozinho. Mas nada impede que na dúvida, o porteiro peça orientação a seu superior hierárquico
- RELACIONAMENTO HUMANO: lidar com pessoas de diferentes níveis sociais e intelectuais, essa é a função diária do Porteiro. Portanto, ele terá que saber se relacionar com todas elas

» Portanto, o Porteiro deve:
- Falar pouco, somente o necessário
- Ouvir com atenção e não esquecer de sempre anotar todas as informações
- Desconfiar sempre de pessoas que falam muito, principalmente aquelas que fazem perguntas dirigidas as questões de segurança do condomínio ou referente à vida dos moradores
- Jamais comentar assuntos referentes a seu serviço e nunca passar informações internas do prédio em público, com pessoas estranhas ao ambiente de trabalho, familiares e amigos, namoradas (os) e porteiros de outros prédios
- Não permitir que pessoas estranhas ao condomínio tomem ciência das normas de procedimentos internos e dos equipamentos de segurança existentes.

 

Dr. Jorge Lordello

 

< Anterior   Próximo >
AdvertisementAdvertisementAdvertisement