Página Inicial arrow Proteção e Segurança arrow Gasolina adulterada ou batizada: proteja-se desse golpe contra seu carro e bolso
Segunda-feira - 15 de Agosto de 2022

Segurança da Mulher

Assédio Sexual
Dicas Especiais

Segurança no Trabalho

Incêndio

Segurança da Informação

Espionagem Industrial

Frases do Dr. Lordello

frase7.png

Enquete

Quais as razões para o aumento da criminalidade?
 

Cadastre-se no Portal

Cadastre-se no Portal e receba nossos informativos periodicamente, além de concorrer a livros e convites para palestras.

:




Redes Sociais

Conecte-se ao Facebook!
Siga-nos no Twitter!

Nossos Parceiros

Leão Serviços
ASC Service
Porto Service
Ganhe mais visibilidade. Anuncie aqui!
Wall Service
Método Lordello de Treinamento em Segurança
NR Service
ATS Terceirização
Grupo Vip
JSEG Vigilância
Crimes & Acidentes
Good Clean
Grupo GP
Full
Grupo Padrão
Life Condomínios
FL Terceirização
QAP Segurança
Pro Security
Protecães
Condomínio em Foco
Terras de Gênova
Associação Nacional de Agentes de Segurança
Grupo Titanium
Avitran
Méthodo Gestão Educacional
Comunicação Juridica
Seguridade
Lordello Consultoria
Top Clean

Quem está On-line

Gasolina adulterada ou batizada: proteja-se desse golpe contra seu carro e bolso Email

Tenho absoluta certeza que se você não teve problemas com gasolina adulterada, algum parente ou pessoa bem próxima já teve. Essa falcatrua é antiga e ainda persiste por falta de punição rígida.
O sentimento de impunidade que assola o Brasil faz com que proprietários de Postos de Gasolina, visando aumentar seus lucros, promovam misturas no combustível vendido, e quem paga a conta é o consumidor, pois os veículos abastecidos com esse produto podem apresentar os seguintes problemas:

a) Instabilidade na marcha lenta
b) Aumento no consumo de combustível
c) Motor passa a “bater pino” e engasgar
d) Travamento das válvulas
e) Corrosão do sistema de injeção eletrônica
f) Acúmulo de resíduos na parte interna do motor e etc.

O problema é gravíssimo e acontece em todo Brasil, por isso, é importante se observar algumas dicas preventivas:

  1. Procure abastecer sempre no mesmo posto, assim, em caso de problema, será mais fácil a resolução.

  2. Desconfie de preço muito mais baixo que o praticado na maioria dos postos.

  3. Peça sempre nota fiscal para o frentista. Pouca gente sabe que o cliente pode pedir que insira na NF seu nome, placa do carro e quilometragem atual. Com esses dados, ficará bem mais simples requerer na justiça indenização pelos prejuízos sofridos em caso de gasolina "batizada".

  4. Se perceber, após abastecer, que o carro ou moto apresenta problema, retorne ao posto imediatamente e exija o teste do produto na sua frente; é direito do consumidor.

Mas como posso denunciar?

I) Para denunciar venda de gasolina adulterada e problemas nos postos de combustíveis e revendedores de gás, ligue para Agência Nacional do Petróleo (ANP), através do fone 0800 970-0267
II)Acione viatura da polícia militar pelo fone 190 para condução da ocorrência à delegacia de polícia mais próxima, pois  vender combustível adulterado é crime previsto no artigo 66 do Código do Consumidor e também no artigo 7º, inciso III, da Lei nº 8.137/1990, que prevê pena de detenção de um a cinco anos e multa.

Para finalizar, saiba que o artigo 26 do Código de Proteção e Defesa do Consumidor estabelece que direito que o consumidor tem de fazer alguma reclamação expira em 30 dias para produtos não duráveis e em 90 dias para produtos duráveis.

 

Dr. Jorge Lordello 

 

< Anterior   Próximo >
 AdvertisementAdvertisement