Página Inicial arrow Legislação arrow Por que aceitamos pacificamente tantas injustiças no Brasil?
Quinta-feira - 21 de Outubro de 2021

Segurança da Mulher

Assédio Sexual
Dicas Especiais

Segurança no Trabalho

Incêndio

Segurança da Informação

Espionagem Industrial

Frases do Dr. Lordello

frase4.png

Enquete

Quais as razões para o aumento da criminalidade?
 

Cadastre-se no Portal

Cadastre-se no Portal e receba nossos informativos periodicamente, além de concorrer a livros e convites para palestras.

:




Redes Sociais

Conecte-se ao Facebook!
Siga-nos no Twitter!

Nossos Parceiros

Terras de Gênova
Crimes & Acidentes
Condomínio em Foco
Porto Service
Comunicação Juridica
NR Service
Seguridade
Good Clean
Grupo Vip
Life Condomínios
Grupo Padrão
Grupo Titanium
Lordello Consultoria
Leão Serviços
Pro Security
Avitran
Grupo GP
FL Terceirização
Full
Método Lordello de Treinamento em Segurança
Top Clean
Protecães
QAP Segurança
ATS Terceirização
Wall Service
Ganhe mais visibilidade. Anuncie aqui!
JSEG Vigilância
Associação Nacional de Agentes de Segurança
ASC Service
Méthodo Gestão Educacional

Quem está On-line

Por que aceitamos pacificamente tantas injustiças no Brasil? Email
Dizem que o Brasil é o pais das incongruências, será que é verdade? Vamos imaginar que uma pessoa tivesse depositado R$ 100,00 na caderneta de poupança em Julho/1994. Hoje teria aproximadamente R$370,00. Agora, se na mesma data tivesse utilizado o cheque especial no valor de R$ 100,00 para comprar comida para a família estaria devendo atualmente cerca de R$ 140.000,00. É possível imaginar réu acusado de crime grave receber benefícios por ter tido bom comportamento na cadeia. Mas ele esta preso por ter tido mal comportamento fora dela... Para o empregado dedicado, bom comportamento e eficiência proporcionam mais trabalho e mesmo salário.  Vítimas, testemunhas e policiais são obrigados a dizer a verdade e correm o risco de serem processados por falso testemunhas se cometerem engano ou ate esquecimento em depoimento. Já as pessoas suspeitas de terem praticado crimes na fase policial ou processadas criminalmente além do direito de permanecerem caladas podem mentir sorrateiramente e tentar confundir aqueles que são incumbidos de apurar a verdade. E a substituição da pena de condenado por cestas básicas, alguém consegue compreender? No presídio o detento recebe três refeições diárias e não precisa pagar por nada. Algumas empresas oferecem refeição aos funcionários que tem que pagar parte dessa despesa ou levar marmita. Enquanto aguardam julgamento marginais tem direito a TV, jogos de baralho, dama, xadrez, dominó e um futebolzinho, porque é bom para manter a forma e arejar a mente. Agora, se empregado fizer isso durante expediente de trabalho pode receber em troca demissão por justa causa. Nova lei permite que menor infrator tenha direito a visita íntima. Já o adolescente estudante é proibido de frequentar motel. Todas as despesas relacionadas com criminosos detidos são arcadas com o dinheiro do contribuinte. Parte dos impostos deduzidos do salário do trabalhador servem para custear despesas daqueles que se recusam a levantar cedo, enfrentar o transporte publico e ganhar salário mínimo pois preferem viver roubando daqueles que suaram muito para adquirir seus pertences de maneira honrada. Conheço alguns colégios onde os alunos mandam e os professores obedecem. Passar de ano sem estudar; receber diploma sem saber ler e escrever são algumas das aberrações que fazem parte de nosso cotidiano. E para finalizar com chave de ouro temos homicidas condenados pelo Tribunal do Juri com penas altíssimas saindo do Fórum sorrindo pela porta da frente enquanto familiares das vítimas chorando copiosamente. O líder e pacifista indiano Mahatma Gandhi disse certa vez que “os sete pecados capitais responsáveis pelas injustiças sociais são: riqueza sem trabalho; prazeres sem escrúpulos; conhecimento sem sabedoria; comércio sem moral; política sem idealismo; religião sem sacrifício e ciência sem humanismo”.
 
Dr. Jorge Lordello 
 

< Anterior   Próximo >
 AdvertisementAdvertisement