Página Inicial arrow Viajantes e Turistas arrow Pneus - Tire todas as suas dúvidas
Terça-feira - 25 de Junho de 2019

Segurança da Mulher

Assédio Sexual
Dicas Especiais

Segurança no Trabalho

Incêndio

Segurança da Informação

Espionagem Industrial

Frases do Dr. Lordello

frase7.png

Enquete

Quais as razões para o aumento da criminalidade?
 

Cadastre-se no Portal

Cadastre-se no Portal e receba nossos informativos periodicamente, além de concorrer a livros e convites para palestras.

:




Redes Sociais

Conecte-se ao Facebook!
Siga-nos no Twitter!

Nossos Parceiros

JSEG Vigilância
NR Service
FL Terceirização
Grupo Padrão
Avitran
Grupo Vip
Seguridade
Condomínio em Foco
Wall Service
ATS Terceirização
Comunicação Juridica
Good Clean
Full
Terras de Gênova
Grupo Titanium
Crimes & Acidentes
Porto Service
QAP Segurança
Top Clean
Ganhe mais visibilidade. Anuncie aqui!
Lordello Consultoria
Méthodo Gestão Educacional
Leão Serviços
Pro Security
Protecães
Grupo GP
Método Lordello de Treinamento em Segurança
Associação Nacional de Agentes de Segurança
ASC Service
Life Condomínios

Quem está On-line

Pneus - Tire todas as suas dúvidas Email

Esclareça as dúvidas mais comuns a respeito dos pneus de seu carro.

Pneus 

» Quantos quilômetros eu posso rodar com os pneus originais do meu veículo?

É impossível indicar com precisão qual será o rendimento dos pneus, pois o desgaste irá variar de acordo com alguns fatores. A forma de conduzir do motorista, o tipo de revestimento do piso, as condições atmosféricas, os ângulos das curvas e a potência do veículo, por exemplo, influenciam no rendimento dos pneus.

A manutenção do veículo alinhado, balanceado, sem folgas na suspensão e com os pneus regularmente calibrados influencia diretamente no menor desgaste dos pneus. Por outro lado, também sabemos que condução esportiva, velocidades elevadas, constantes acelerações e frenagens bruscas, por exemplo, podem fazer com que o pneu se desgaste até 50% mais.

» Qual a melhor pressão para meus pneus?


A pressão correta dos pneus deverá sempre ser indicada pelo fabricante do veículo, que conhece as cargas máximas e mínimas por eixo.

A calibragem deve ser feita ao menos a cada 15 dias, sempre com os pneus frios.

» Que problemas posso ter se não calibrar regularmente os pneus de meu carro?

A utilização das pressões corretas é fundamental para garantir a segurança do veículo. Pressões abaixo do recomendado afetam diretamente a estabilidade do veículo, assim como aceleram o desgaste dos pneus, além de aumentar o consumo de combustível do veículo e aumentar o risco de acidentes nos flancos ao abordarem algum obstáculo ou algum buraco.

» Devo balancear meus pneus? Por quê?

O balanceamento é um processo de compensação de massa. De maneira geral, na montagem do conjunto pneu, roda e válvula, o ponto mais pesado do pneu quase nunca coincide com o ponto menos pesado da roda ou vice-versa, por essa razão o balanceamento deverá ser efetuado, estática e dinamicamente.

» O que é alinhamento? Quando e por que deve ser feito?

Alinhamento ou geometria dos trens dianteiros e traseiros é o processo de ajuste que permite tornar rodas de um mesmo eixo convergentes, divergentes ou paralelas entre si, segundo especificações do fabricante do veículo, o mesmo ocorrendo com relação a eixos.

Deve ser efetuado:
• Sempre que houver substituição de pneus.
• Quando for notado desgaste irregular da banda de rodagem.
• Por ocasião da substituição de elementos da suspensão ou direção.
• Por ocasião de impactos contra obstáculos.
• Sempre que o veículo apresentar comportamento estranho, exigindo maior esforço do motorista para mantê-lo na trajetória.

» Devo efetuar rodízios entre os pneus? Quando?

O rodízio dos pneus tem o objetivo de evitar possíveis desgastes irregulares nos 4 pneus ou nos 5, caso o sobressalente seja incluído. Deverá ser efetuado em função da forma de desgaste ou segundo orientações do Manual do Veículo.

» O que devo fazer se sentir trepidações no veículo durante a rodagem?

Há vibrações que podem ter diferentes origens. Normalmente são percebidas quando ocorre perda da massa de equilibragem em uma das rodas. O melhor será procurar uma revenda especializada onde o problema poderá ser solucionado.

» Onde devo examinar meus pneus com desgaste excessivo ou irregular?

Sempre em uma revenda ou oficina especializada.

» Devo substituir meus pneus por outros com as mesmas dimensões?

Na ocasião da substituição dos pneus, deve-se sempre procurar seguir as especificações dimensionais definidas pelo fabricante do veículo. Caso seja feita alguma alteração na dimensão original, os seguintes itens devem ser respeitados, seguindo orientação do fabricante:

• os índices de carga e velocidade iguais ou superiores ao do pneu original;
• a circunferência de rolamento deve ser equivalente à da dimensão original do veículo.
• Atenção com a largura do pneu, a fim de que não interfira no esterçamento do volante ou que não toque em partes fixas do veículo.

» Posso montar no meu veículo pneus com desenhos diferentes?

São recomendáveis montagens homogêneas. Caso isso não seja possível, deve ser mantida no mínimo uma homogeneidade por eixos.

» Se eu comprar somente dois pneus novos, onde devo montá-los?

Os pneus menos desgastados deverão sempre ser montados no eixo traseiro, independente do veículo ser tração ou propulsão.

» É fácil montar um pneu em um aro? Posso fazê-lo eu mesmo?

O processo de montagem e desmontagem ou reparação de pneus deverá ser sempre confiado a profissionais capacitados utilizando equipamentos e produtos adequados a essas operações.

» Um pneu furado é coberto pela garantia?

Normalmente não, exceto se houver um seguro pontual e específico para isso.

Há fabricantes de pneus que fornecem ampla garantia para os pneus. A Michelin, por exemplo, oferece a Multiproteção, que além da garantia contra danos de fabricação por 5 anos, contempla também uma garantia contra danos acidentais até 6 meses ou 10.000 Km após a compra. No caso de dano irreparável, o cliente recebe outro produto novo, sem nenhum custo. Além disso, a Michelin oferece garantia de durabilidade de até 70.000 km para algumas gamas específicas.

» Onde posso ter informações sobre garantia?

Informações com relação à garantia poderão ser encontradas:
• na rede revendedora autorizada
• no DDG 0800 909400
• no site www.michelin.com.br

» Onde posso comprar pneus para meu veículo clássico ou restaurado?

Pneus "RETRO" ou de coleção podem ser adquiridos em revendas especializadas, desde que solicitados antecipadamente e mediante autorização de Organismos Certificadores Credenciados.

» Como posso saber quando meus pneus estão desgastados?

Quando, em qualquer ponto da banda de rodagem, a escultura atingir o "TWI" ou a profundidade mínima de 1,6mm, o pneu não está mais apto para a rodagem.

» O que devo fazer se eu encontrar uma deformação na lateral do pneu?

Uma deformação no flanco normalmente é causado por impacto contra obstáculos e esse tipo de avaria não é reparável. Portanto, o pneu deverá ser substituído o mais rápido possível.

» Como posso conhecer a idade de meus pneus?

Os pneus possuem em pelo menos um dos flancos, após as letras "DOT" (DEPARTAMENT of TRANSPORTATION), informações quanto a sua origem e data de fabricação. Os dois primeiros e os quatro últimos dígitos são os mais importantes.

Ex.:

• DOT: CH EV HUA x 5001
• DOT: DEPARTAMENT of TRANSPORTATION.
• CH: FABRICANTE E Nº DE CÓDIGO DA PLANTA.
• EV: Nº CÓDIGO DA DIMENSÃO.
• HUA: SIMBOLO DE IDENTIFICAÇÃO OPCIONAL
• 5001: DATA DE FABRICAÇÃO, 50ª Semana de 2001.
• 50: SEMANA DE FABRICAÇÃO
• 01: ANO DE FABRICAÇÃO

Wagner Marangão
Gerente de teste de produto da Michelin América do Sul e Presidente da ALAPA- Associação Latino Americana de Pneus e Aros.

 

< Anterior   Próximo >
 AdvertisementAdvertisement